A bioethic foi fundada em 2017 por Isabel Braz e por Miguel Henriques, depois de 6 anos a viverem entre a China e a Índia. Foi essa extraordinária experiência de vida nos dois países mais populosos do mundo - que são também dois dos mais poluentes - que lhes serviu de catalisador para a consciencialização sobre o problema da poluição causada pelo descarte do plástico de uso único.

Com passados profissionais sólidos, longos e assentes em grandes corporações internacionais (Miguel como gestor financeiro e Isabel como gestora de recursos humanos) em 2017 decidiram que queriam dar um novo rumo às suas vidas.  Decidiram que o seu trabalho deveria contribuir para um impacto mais positivo no planeta, nas pessoas e no ambiente. Criaram então a sua própria empresa, a Geoethicollective, lda., detentora das marcas registadas ethiCollective (www.ethicollective.pt  uma marca dedicada á promoção da arte e do comércio justo através de um colectivo global que reúne artistas tribais, artesãos tradicionais, fotógrafos, pintores, ilustradores contemporâneos e ainda literatura) e bioethic onde se comprometem com a causa ambiental e com a eliminação da poluição desnecessária causada pelo descarte do plástico de uso único.

o que fazemos

A bioethic é uma iniciativa focada na protecção ambiental através da oferta de utensílios 100% biodegradáveis e compostáveis.

O nosso objectivo é o de contribuir para a substituição gradual dos utensílios descartáveis, não recicláveis, por produtos ecológicos de qualidade, e produzidos naturalmente, fundamentais no processo de renovação do nosso planeta. 

Baseamos a nossa existência na ética ambiental e social e seguindo as palavras-chave da sustentabilidade – reduzir, reutilizar, reciclar – queremos posicionar-nos ao lado de pessoas, empresas, comunidades e entidades que estão dispostas a dar os passos necessários para uma economia livre de plástico. Acreditamos que é possível deter o consumo excessivo, e o descartar massivo de materiais sintéticos não biodegradáveis, e trabalhamos para diminuir a dependência global de derivados de matérias fósseis, tais como o petróleo.

Os nossos produtos destinam-se ao consumidor consciente e são constituídos por propriedades sustentáveis, biodegradáveis e compostáveis, que seguem o ciclo da vida na terra, acabando como nutrientes ricos para o solo.